Qatar Airways é premiada como a melhor companhia aérea do ano

Qatar Airways é premiada como a melhor companhia aérea do ano …

Qatar Airways é premiada como a melhor companhia aérea do ano

A Qatar Airways recebeu quatro prêmios durante o Skytrax World Airline Awards de 2019, incluindo o de melhor companhia aérea do mundo, tornando-se a única transportadora na história da competição a vencer cinco vezes (2011, 2012, 2015, 2017 e 2019). A operadora aérea também foi nomeada a melhor companhia aérea do Oriente Médio pelo terceiro ano consecutivo, enquanto a de melhor classe executiva do mundo é o quarto ano consecutivo em que ganhou o prêmio. O Skytrax World Airline Awards é independente e imparcial, lançado em 1999 para fornecer um estudo de satisfação do viajante verdadeiramente global. Passageiros de todo o mundo votam na maior pesquisa sobre companhias aéreas para decidir os vencedores. Os prêmios são referidos pela mídia em todo o mundo como o Oscar da indústria da aviação. Atualmente, a Qatar opera uma frota moderna de mais de 250 aeronaves em seu hub no Aeroporto de Hamad para mais de 160 destinos em todo o mundo.

Fonte: Revista FLAP

Korean Air anuncia a intenção de adquirir 30 jatos Boeing 787 Dreamliner

Korean Air anuncia a intenção de adquirir 30 jatos Boeing 787 Dreamliner …

Korean Air anuncia a intenção de adquirir 30 jatos Boeing 787 Dreamliner

A fabricante norte-americana Boeing, a companhia aérea Korean Air e a empresa de leasing Air Lease Corporation anunciaram durante o Paris Air Show, que a transportadora planeja adicionar 30 novos aviões do modelo 787 Dreamliner à sua frota, com o compromisso de adquirir dez 787-10 e dez 787-9 avaliados em US$ 6,3 bilhões. Como parte deste acordo, a Korean Air também arrendará outros dez 787-10 da ALC. Esse pedido será refletido no site de pedidos e entregas da Boeing assim que for finalizado. A empresa já opera uma frota de 96 aviões de passageiros da marca, incluindo os aviões 737NG, 747, 777 e 787, além de unidades configuradas para transporte de cargas como o 747-400F, 747-8F e 777F.

Fonte: Revista FLAP

Embraer anuncia novos contratos com a Fuji Dream e Binter

Embraer anuncia novos contratos com a Fuji Dream e Binter …

Embraer anuncia novos contratos com a Fuji Dream e Binter

A fabricante brasileira Embraer anunciou a assinatura de um contrato com a companhia aérea japonesa Fuji Dream Airlines para entregar dois jatos E175 em pedido com valor estimado de US$ 97,2 milhões. Os novos aparelhos da FDA serão configurados em classe única com 84 lugares, com entregas a partir de 2019. A empresa entregou o primeiro E-Jet para a Fuji Dream em 2009. A Embraer também anunciou um acordo com a companhia aérea Binter, da Espanha, para dois jatos E195-E2 adicionais, confirmando os direitos de compra do contrato original, firmado em 2018. O acordo tem valor de US$ 141,8 milhões e a operadora receberá seu primeiro exemplar no segundo semestre de 2019, tornando-se o primeiro cliente europeu do maior modelo dos E-Jets E2. A companhia aérea configurará as aeronaves com 132 assentos em classe única.

Fonte: Revista FLAP

Grupo IAG encomenda 14 aeronaves Airbus A321XLR

Grupo IAG encomenda 14 aeronaves Airbus A321XLR …

Grupo IAG encomenda 14 aeronaves Airbus A321XLR

A fabricante europeia Airbus anunciou que o Grupo IAG escolheu o A321XLR para expandir sua frota com um pedido firme para 14 exemplares. Destes, oito são destinados à Iberia e seis à Aer Lingus. A controladora das principais companhias aéreas, incluindo a British Airways, Level e Vueling, é uma das maiores clientes da Airbus e este acordo elevará o pedido total da empresa para 530 aeronaves. As operadoras combinadas utilizam uma das maiores frotas de aviões da marca no mundo, com mais de 400 unidades. A nova versão de longo alcance permitirá à Aer Lingus lançar novas rotas além da costa leste dos EUA e do Canadá. Para a Iberia, este é um novo tipo de aeronave que lhe oferecerá opções de serviços para novos destinos transatlânticos e aumentar as frequências nos principais mercados.

Fonte: Revista FLAP

LATAM é reconhecida como a melhor companhia aérea da América do Sul

LATAM é reconhecida como a melhor companhia aérea da América do Sul …

LATAM é reconhecida como a melhor companhia aérea da América do Sul

A LATAM Airlines foi eleita como a melhor companhia aérea da América do Sul pelo Skytrax World Airline Awards, em cerimônia de premiação realizada no Paris Air Show. Os prêmios são organizados anualmente por uma das mais importantes agências internacionais de avaliação de transporte aéreo, cujas distinções são baseadas na satisfação de passageiros das empresas aéreas do mundo, que nesta edição coletaram mais de 21 milhões de votos qualificados com viajantes de mais de 100 nacionalidades. A LATAM também foi premiada como melhor classe executiva e melhor classe econômica da América do Sul. A pesquisa foi aplicada entre setembro de 2018 e maio deste ano. A empresa já recebeu em 2019 outros reconhecimentos importantes pela experiência de viagem oferecida e por sua excelência operacional. Alguns deles foram de melhor companhia aérea global da América do Sul, o assento mais confortável, melhor serviço a bordo e melhor entretenimento (América do Sul), no APEX Passenger Choice Awards. O primeiro lugar em food service (categoria América do Sul), no prêmio PAX International Readership e a companhia aérea mais pontual do mundo em 2018 na categoria mega airlines do OAG.

Fonte: Revista FLAP

Embraer e ELTA anunciam o lançamento do jato P600 AEW

Embraer e ELTA anunciam o lançamento do jato P600 AEW …

Embraer e ELTA anunciam o lançamento do jato P600 AEW

A Embraer Defensa & Segurança e a ELTA Systems, subsidiária da Israel Aerospace Industries (IAI), assinaram um acordo de cooperação estratégica para desenvolvimento do modelo P600 AEW (Alerta Aéreo Antecipado). Concebido para atuar em um novo segmento do mercado de AEW, esta aeronave de última geração é baseada na plataforma do jato executivo Praetor 600. O sensor primário é o radar AESA (Digital Active Scanned Array) de 4ª geração da IAI/ELTA com capacidade de IFF integrada. Nessa cooperação, a fabricante brasileira fornecerá a plataforma aérea, sistemas de solo, sistemas de comunicações e integração de aeronaves, enquanto a IAI-ELTA fornecerá o radar AEW, SIGINT (inteligência de sinais) e outros sistemas eletrônicos. O P600 AEW abrange o crescente mercado para capacidade aeroembarcadas de inteligência, vigilância e reconhecimento para países que exigem soluções economicamente viáveis, de alto desempenho e flexíveis para missões de defesa e segurança interna. O Praetor 600 oferece alcance intercontinental com excelente capacidade de carga útil, alta disponibilidade e confiabilidade, curto tempo de retomada de operação e baixo custo de ciclo de vida. Juntamente com a tecnologia de ponta dos sensores da ELTA, a solução oferece os benefícios de sistemas comprovados e avançados e recursos disponibilizados até agora apenas em plataformas muito maiores. O P600 AEW pode fornecer imagens situacionais de aérea integradas e estendidas monitorando a atividade aérea em locais fora da cobertura dos radares terrestres. Pode executar várias missões, tais como defesa aérea, alerta antecipado, comando e controle, eficiência da frota de combate, defesa territorial e vigilância marítima. Além disso, pode ser configurado com uma vasta gama de sistemas de sensores de controle para alerta antecipado, incluindo a 4ª geração de radar AEW AESA Digital, IFF civil e militar, ESM/ELINT com capacidade de recepção de ameaças-radar, comando e controle, pacote de comunicação abrangente, incluindo redes de dados e links via satélite, além de um robusto sistema de autoproteção (SPS). Uma solução de comunicações abrangente permite a capacidade de link de dados, bem como a comunicação por satélite para operações além da linha de visada. Também assegura a interoperabilidade com as forças aliadas. O recurso de guerra centrada em rede (NCW) transforma o P600 AEW em um membro de uma rede tática. Um sistema avançado de autoproteção (SPS) realiza a detecção de ameaças potenciais, ativando quaisquer medidas de suporte eletrônico necessárias.

Fonte: Revista FLAP

ATR anuncia acordo com a NAC para até 105 aeronaves regionais

ATR anuncia acordo com a NAC para até 105 aeronaves regionais …

ATR anuncia acordo com a NAC para até 105 aeronaves regionais

A fabricante de aviões regionais francesa ATR anunciou a assinatura de uma carta de intenções com a empresa de locação NAC para 35 aeronaves ATR da série 600, com opções para mais 35 unidades e direitos de compra para outras 35. O negócio avaliado em US$ 2 bilhões, representa um selo de confiança a longo prazo do locador cujo desejo de se concentrar na tecnologia mais eficiente e sustentável levou-os a investir na nova versão do modelo. As entregas das 35 aeronaves iniciais terão início em 2020 e serão executadas até 2025, já que o cronograma é otimizado para garantir que a demanda do mercado seja mais bem atendida no período de cinco anos. Este novo acordo consolida uma colaboração bem sucedida entre a NAC e ATR. Desde 2010, mais de 100 pedidos foram transformados em entregas para a empresa de leasing.

Fonte: Revista FLAP

Embraer prevê demanda para 10.550 novas aeronaves com até 150 assentos nos próximos 20 anos

Embraer prevê demanda para 10.550 novas aeronaves com até 150 assentos nos próximos 20 anos …

Embraer prevê demanda para 10.550 novas aeronaves com até 150 assentos nos próximos 20 anos

A fabricante brasileira Embraer anunciou durante o Paris Air Show, que prevê uma demanda para 10.550 novas aeronaves com até 150 assentos em todo o mundo nos próximos 20 anos, no valor de US$ 600 bilhões. O crescimento do mercado impulsionará 55% da demanda total e os 45% restantes serão entregues para substituir modelos antigos. Embora as perspectivas específicas de cada região variem consideravelmente, a eficiência e a sustentabilidade continuam sendo os principais impulsionadores dessa projeção de mercado. O segmento de até 150 assentos formará uma parte cada vez mais essencial do ecossistema de transporte aéreo global. O desempenho econômico do setor de companhias aéreas dependerá em grande parte de quanto os custos aumentarão e até que ponto o setor poderá sustentar um nível adequado de receitas. O relatório completo está disponível no endereço http://www.embraermarketoutlook2019.com.

Fonte: Revista FLAP

Sanção da MP do capital estrangeiro do setor aéreo ampliará competição no Brasil

Sanção da MP do capital estrangeiro do setor aéreo ampliará competição no Brasil …

Sanção da MP do capital estrangeiro do setor aéreo ampliará competição no Brasil

A sanção da medida provisória que retira limites de investimentos estrangeiros em empresas aéreas brasileiras e o veto presidencial à volta das franquias de bagagens obrigatórias constituem importante marco para a aviação civil no país. A decisão tomada pela Presidência da República estimula a concorrência entre transportadoras aéreas e elimina barreiras para entrada de novas operadoras no mercado nacional. O principal objetivo ao se desregulamentar a franquia de bagagem é ampliar a oferta de alternativas de serviços e preços para a escolha do passageiro, de maneira a melhor atender suas preferências com maior transparência nas relações de consumo. Mais informações no portal www.anac.gov.br.

Fonte: Revista FLAP

IATA promove workshop para aprimorar manuseio e transporte aéreo de produtos perecíveis

IATA promove workshop para aprimorar manuseio e transporte aéreo de produtos perecíveis …

IATA promove workshop para aprimorar manuseio e transporte aéreo de produtos perecíveis

Garantir que o armazenamento e o transporte de produtos perecíveis estejam de acordo com as melhores práticas e normas adotadas no mercado internacional. Com esse objetivo, a Associação Internacional de Transporte Aéreo, em parceria com a BH Airport, concessionária do Aeroporto de Belo Horizonte/Confins, realiza no próximo dia 25 de junho, workshop sobre seu Programa de Excelência para Validadores Independentes (CEIV). A ação visa ajudar empresas aéreas, manipuladores e agentes de carga a cumprirem normas internacionais, além de aumentar a padronização no manuseio e transporte de produtos farmacêuticos, perecíveis e animais vivos no ambiente de frete aéreo. Por meio das certificações CEIV Pharma, CEIV Fresh e CEIV Animals, a IATA atesta que os terminais logísticos apresentam qualidade e confiabilidade nos serviços prestados à indústria. Além disso, as certificações reduzem os riscos e custos para os clientes, um benefício tanto para a aviação quanto para seus reguladores. Realizado pela primeira vez no Brasil, a iniciativa tem como público-alvo toda a comunidade envolvida no transporte de carga do setor.

Fonte: Revista FLAP