Está previsto para iniciar a obra em janeiro

Crédito da imagem: foto-guga-matos-aeroporto-recife

A expectativa da Aena é que os investimentos para o Aeroporto Internacional do Recife, de concessão da empresa espanhola Aena Brasil, sejam feitas dentro de quatro meses. Portanto, devem ser concluídas em maio de 2021. A previsão do contrato de concessão seria de começar as obras dentro de seis meses, após a data em que a Aena assumisse os aeroportos – no caso do terminal pernambucano, a concessionária assumiu no dia 3 de março. No entanto, logo no dia 11 de março, a Organização Mundial da Saúde (OMS) decretou estado de pandemia da Covid-19, o que precisou suspender diversas atividades e obras.

Serão três blocos de investimentos, de acordo com o contrato de concessão. O equipamento pernambucano e outros cinco do Nordeste que fazem parte do grupo – Maceió (AL), Aracaju (SE), João Pessoa (PB), Campina Grande (PB) e Juazeiro do Norte (CE) – receberão um valor de aproximadamente R$ 120 milhões em um primeiro bloco de investimentos.

Dentro do valor, não há detalhamento específico, ainda, só para o equipamento pernambucano, mas receberá a maior parte devido aos maiores movimentos de passageiros e operações.

“Agora começamos a retomar as operações e já temos as datas de investimentos. Esse primeiro bloco de reformas será para requalificação de banheiros, melhoria na climatização, sinalização e outras ações imediatas. Para os seis aeroportos, o valor será de cerca de R$ 120 milhões”, comentou o presidente da Aena Brasil, Santiago Yus.

Fonte: Folha PE

Gostou? Comparilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on pinterest
Share on email
Share on whatsapp
Shopping Basket