SITA comemora 70 anos com recorde de receita de US$ 1,7 bilhão …

SITA comemora 70 anos com recorde de receita de US$ 1,7 bilhão

Mais de 100 companhias aéreas e aeroportos do mundo se reuniram na Bélgica, quando a empresa SITA, provedora de TI de transporte aéreo, comemorou seu 70º aniversário. A organização, que está no coração do setor aéreo desde 1949, marcou a ocasião ao anunciar uma receita recorde de US$ 1,7 bilhão em 2018. Da mesma forma na qual registrou uma virada significativa em seus negócios, a companhia também demonstrou seu compromisso com a inovação contínua e colaborativa. Em 1949, 11 transportadoras aéreas se uniram para estabelecer a infraestrutura de comunicações que permanece no coração dessa indústria global interconectada. Hoje, quase todos os voos de passageiros dependem da tecnologia da SITA. No total, 95% de todos os destinos internacionais e mais de 13.500 sites da indústria estão conectados pela rede da empresa tecnológica. Ao longo das décadas, ela entregou muitas inovações, incluindo a primeira infraestrutura de uso comum nos aeroportos, a primeira ferramenta de reserva de e-commerce das empresas aéreas e o primeiro sistema de visto eletrônico para gerenciamento de fronteiras. Na última semana, a SITA também organizou seu fórum de Inovação anual, um evento exclusivo para investigar como novas tecnologias, incluindo inteligência artificial, biometria e blockchain poderiam ser aproveitadas para oferecer operações mais eficientes e uma jornada perfeita para os passageiros. A tecnologia será necessária para a indústria lidar com mais passageiros, mais bagagem, mais aeronaves, mais ameaças à segurança, mais regulamentações e maiores expectativas dos viajantes. Como a indústria adota a tecnologia, é essencial que todos os interessados ​​trabalhem juntos. A SITA tem mais de 400 membros, incluindo operadoras aéreas, terminais, organizações baseadas em aeroportos e provedores de gerenciamento de tráfego aéreo e é uma das empresas com maior diversidade internacional, atendendo a mais de 200 países e territórios.

Fonte: Revista FLAP

Gostou? Comparilhe

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on pinterest
Share on email
Share on whatsapp
Shopping Basket